Liderança

O Grande Dicionário da Língua Portuguesa da Ediclube define liderança como:
Qualidade ou função de líder | Forma de dominação baseada no prestígio pessoal e aceita pelos dirigidos.
A liderança é a arte de comandar pessoas uma vez que os comandados reconhecem no líder qualidades e características bastantes para os dirigirem. Não é líder quem quer mas sim quem como tal é reconhecido. Os líderes possuem qualidades e características que podem ser naturais, que nasceram com elas, ou provenientes da educação e treino. Apesar de ser mais fácil a alguém com potencial natural atingir níveis de liderança elevados, é um facto que muitos dos líderes actuais são fruto de um longo caminho de aprendizagem e desenvolvimento das suas aptidões.

nelson_mandela

Praticamente, qualquer pessoa pode em condições favoráveis e com a necessária motivação ser um líder na actividade que escolheu. Onde há um ser humano existe um líder por isso a parte mais exigente da liderança é a de liderar-se a si mesmo. Neste artigo iremos abordar aspectos relacionados com a liderança no que concerne aos recursos humanos de qualquer sociedade ou empresa, na motivação necessária e suas componentes, na gestão de pessoas bem como nos instrumentos utilizados como por exemplo a palestra motivacional.

Liderança nos Recursos Humanos

Os recursos humanos de qualquer organização necessitam de uma forte e efectiva liderança para serem eficientes na sua actuação. O mesmo acontece com a população de um país, como diz o ditado popular “Fraco rei faz fraca a forte gente.” É por isso de primordial importância para as organizações o estabelecimento de um organograma hierárquico onde constem os diversos níveis de liderança. Já lá vai o tempo em que o fluxograma organizacional das pequenas e médias empresas era o denominado “fluxograma de pente”, onde o gerente ou dono ocupava sozinho o patamar mais elevado do fluxograma e todos os outros recursos humanos estavam distribuídos num único e indiferenciado patamar. Os recursos humanos necessitam de orientação e de reconhecimento quando alcançam os objectivos fixados ou de repreensão ou chamada de atenção quando tal não acontece. Abordaremos na secção respectiva com o detalhe necessário as necessidades em liderança nos recursos humanos.

Qual é a Motivação?

Normalmente esta questão surge internamente ao nível do individuo com o auto questionamento, faço isto para quê? Ao nível laboral é sempre insuficiente quando a resposta interior recebida é, porque preciso de dinheiro para me sustentar. Não nos entendam mal, o dinheiro obtido pelo trabalho é concerteza a razão principal para o exercício do mesmo, contudo se tudo se restringe a esse factor a perda a nível organizacional é considerável mas é a nível individual que ela mostra toda a sua enormidade.

É do conhecimento generalizado que a motivação afecta o desempenho das pessoas ao nível individual e ao nível de equipa. A necessidade de manter níveis motivacionais elevados é uma constante das sociedades actuais, o ritmo desgastante a que estamos sujeitos no quotidiano, faz com que estejamos em constante perda de energia que, se não soubermos como recuperar acabará por atingir valores que irão diminuir os níveis de motivação. Um bom líder tem de saber reconhecer quando os factores dinheiro, reconhecimento, satisfação pessoal, etc. não são suficientes para restabelecer os níveis motivacionais. Felizmente existem recursos que permitem restabelecer em segurança os níveis energéticos despendidos e melhor ainda adquirir a capacidade de conseguir inverter o fluxo e passar a armazenar energia e com isso aumentar o nível de resiliência. Futuramente abordaremos este e outros assuntos relacionados com maior detalhe.

Liderança na Gestão de Pessoas

A liderança na gestão de pessoas distingue-se fundamentalmente da dos recursos humanos por não se dirigir a pessoas envolvidas no mesmo projecto ou missão. A liderança de recursos humanos pratica-se no interior das organizações enquanto que a da gestão de pessoas abrange públicos mais vastos. Quanto mais alargado for o âmbito da liderança mais difícil se torna executa-la assim como menos efectiva esta será. Conseguir motivar e gerir pessoas dos mais variados níveis culturais, educacionais, económicos, religiosos, etc. é tarefa que só está ao alcance dos mais bem preparados e que exige uma grande capacidade de trabalho tal como doses não menores de abnegação e compreensão. Só pessoas naturalmente dotadas e devidamente treinadas para este tipo de liderança podem aspirar a executá-la com sucesso por determinado tempo. É admirável e gratificante ver pessoas como Nelson Mandela e Mahatma Ghandi atingirem tais níveis de desempenho em condições tão adversas. A história tem nos mostrado que é, muitas das vezes, nas situações mais difíceis que, emergem seres humanos, que conseguem interpretar as necessidades do colectivo e com êxito liderá-lo e alcançar os objectivos. O ser humano tem em si o potencial de transcender-se e se necessário executar tarefas ditas sobre-humanas. No decurso da exploração deste tema abordaremos os meios e recursos que estão disponíveis para facilitar a mudança, quando esta passa a ser o objectivo pessoal.

A Palestra Motivacional

A palestra motivacional é um recurso que se utiliza muito na liderança da gestão de pessoas. É um recurso que tem uma longa história, quase tão longa quanto a da humanidade. Este recurso quando utilizado com mestria proporciona resultados espectaculares. As palestras motivacionais evoluíram muito nos últimos anos e aquilo que antigamente só seria possível atingir por palestrantes de grande gabarito está hoje disponível ao mais vulgar dos oradores. A evolução tecnológica, os meios utilizados, os recursos disponíveis são de tal forma evoluídos que permitem a um mediano orador criar ambientes com alto poder de envolvência e motivação. No decurso do desenvolvimento deste tema tentaremos trazer até si informação e exemplos que lhe sirvam de modelo se tiver necessidade de utilizar este recurso.

VIDEO LIDERANÇA E MOTIVAÇÃO OFICIAL
Gestão e liderança de pessoas na prática
Liderança e Motivação
Como motivar a sua equipa
Liderança e Desempenho

Início